?>
http://buy-clomid-2013.org/ http://buylasix-2013.org/ http://buyonlinepriligy-2013.org/
26
Mai

Cidade Pedra Branca endossa Rede de Investidores Sociais criada pelo Instituto ICOM

Criada pelo ICOM – Instituto Comunitário da Grande Florianópolis, a Rede e Investidores Sociais (RIS) é um espaço social, uma forma de organizar coletivamente várias pessoas para que todas tenham oportunidade de contribuir com uma causa específica. É também um Giving Circle (Círculo de doação), um grupo de indivíduos que aportam recursos financeiros a outros e decidem coletivamente onde os mesmos serão investidos.  O papel do ICOM é contribuir para que comunidades sejam desenvolvidas através das RIS’s. E desde 2013 vem apoiando comunidades que acreditam nesta ação, como é o caso da RIS Saco Grande, da RIS ODS e agora da RIS Pedra Branca.

Por acreditar na força da coletividade de seu ecossistema, composto por mais de 70 “atores”, a Cidade Pedra Branca endossou a Rede de Investidores Sociais e estimulou a criação da RIS Pedra Branca. Um comitê – iniciado pela Cidade Pedra Branca, Impact Hub Continente e Inaitec –  já foi criado, com o apoio do ICOM. Ele irá conduzir os encontros e as iniciativas da RIS. A comunidade Frei Damião, vizinha ao bairro Pedra Branca, receberá atenção especial nesta primeira fase do projeto. O comitê já identificou nove ONG’s na comunidade, e o próximo passo será mapear os projetos, a fim de validar os investimentos que serão aplicados.

Apresentação da RIS Pedra Branca

O primeiro encontro para apresentação das informações da RIS Pedra Branca, bem como as próximas ações, serão apresentadas no dia 28 de  junho, às 19 horas no Auditório do Edifício Atrium, na Cidade Pedra Branca. O evento é gratuito e as inscrições podem ser realizadas através deste link

Como funciona?

A própria rede decide de forma colaborativa qual iniciativa e comunidade querem apoiar. Nela, além de decidirem para onde vai o investimento social, as pessoas se tornam investidores contribuindo mensalmente para a rede.

No encontro, acima mencionado, os participantes terão a oportunidade também de construir, de forma colaborativa, os próximos passos da RIS Pedra Branca, como data e periodicidade dos encontros, os projetos que terão prioridade de investimento, entre outros.

Quanto cada investidor social pode doar?

As doações de cada investidor devem ser recorrentes e mensais. São aceitos aportes de pessoas físicas ou jurídicas desde que se comprometam a participar ativamente da rede, com valores que podem variar de R$ 10,00 (dez reais) a R$ 10.000,00 (mil reais).  

As doações podem ser realizadas através da conta do Paypal -http://www.icomfloripa.org.br/rispedrabranca – ou transferência direta: Banco do Brasil, agência 5201-9, conta corrente 11077-9, em nome de ICOM – Instituto Comunitário Grande Florianópolis, CNPJ: 07.756.988/0001-62. O ICOM realiza a gestão financeira da conta, recebendo as doações e realizando as transferências de acordo com as decisões da RIS.

Até o momento, a RIS Pedra Branca já reuniu cerca de R$ 8 mil reais, em contribuições advindas dos compradores do empreendimento Pátio Civitas. Mais informações através do sitehttp://www.icomfloripa.org.br/rispedrabranca/

SERVIÇO

Evento: Apresentação da RIS Pedra Branca

Data: 28/06/2017

Horário: 19 horas

Local: Auditório do Edifício Atrium, na Cidade Pedra Branca

Inscrição: gratuito através do link https://www.eventbrite.com.br/e/rede-de-investidores-sociais-da-pedra-branca-tickets-34862427459

10
Mai

Pedra Branca estimula moradores do bairro a adotarem empreendedores do Projeto Social Good Brasil Lab

A primeira etapa do SGB Lab será realizada entre os dias 1 e 4 de junho na Cidade Criativa Pedra Branca, em Palhoça. Intitulada #sejoga, essa etapa irá reunir 50 empreendedores de todo Brasil. O objetivo do encontro/laboratório é viabilizar projetos que usam tecnologias e novas mídias para melhorar o mundo, além de orientar novos empreendedores na concepção de seus projetos.

Em sua segunda edição, a intenção da Cidade Pedra Branca com a campanha “Adote um Labber” é aproximar os moradores dos empreendedores e oportunizar a troca de experiência e vivência no bairro. “Esse tipo de ação reforça o conceito do movimento cidade criativa, que estimula a troca de ideias através do convívio entre as pessoas de diferentes áreas, potencializando a inovação e criatividade”, destaca Clarice Mendonça, gerente de Marketing da Pedra Branca.

A empresária e moradora Heloísa Coelho relata que a experiência foi muito interessante: “Adotei três mulheres e cada uma com personalidade muito diferente. Durante os dias do evento nós compartilhamos seus projetos e seus propósitos. Me senti privilegiada com a experiência”.

Já a moradora e também empresária Simone Marino ressalta que a oportunidade foi enriquecedora porque ela teve a sorte de hospedar alguém de uma região que ela não conhecia. “A Karla é de Manaus e através dela pude aprender sobre o jeito e cultura manauara. Me senti feliz em hospedar a labber porque foi uma forma de apoiar e me sentir parte desse movimento lindo que é o SGB Lab aqui na Pedra Branca.”


Qualquer pessoa interessada pode “adotar” um ou mais empreendedores. Só precisa oferecer ao labber um local para banho e para dormir. O “labber” fica envolvido o dia inteiro nas ações do laboratório do Social Good Brasil, que inicia às 8 horas e termina às 20h. A quantidade de Labber a ser adotado fica a critério da capacidade do tutor. A recompensa, sem dúvida, será a possibilidade de estar imerso na cultura do ecossistema inovador da Cidade Pedra Branca de forma mais incisiva – além, é claro, de conhecer novas culturas, novas pessoas e de estar ajudando em um projeto social.

Como adotar um Labber? Acesse: https://pt.surveymonkey.com/r/PKG6373 e demonstre seu interesse.

27
Abr

Pedra Branca recebe palestra de empresário Carlos Wizard Martins

O empresário, autor, palestrante e apresentador do Shark Tank Carlos Wizard Martins vem à Pedra Branca no dia 10 de maio para participar do Papo de Empreendedor com a Palestra Liderança, Sucesso e Empreendedorismo. Autor de best-sellers como “Sonhos não tem Limites”, o atual Presidente da rede de franquias Mundo Verde foi o fundador da Wizard Idiomas e figura na lista de bilionários da Forbes.
Trata-se de evento beneficente cujos recursos serão destinados a projeto de construção de habitação para uma família em situação de risco na cidade de Palhoça. O projeto visa também oportunizar aproximação e aprendizado entre experiências de vida diversos. Para isso, 35 ingressos serão destinados a moradores da Comunidade de Frei Damião, em Palhoça, os quais tenham demonstrado interesse em empreender, buscar capacitação para o mercado de trabalho e alcançar a autossuficiência. A seleção dos convidados VIP da Comunidade de Frei Damião será feita pelos gestores de projetos sociais da Pedra Branca, Faculdade Municipal de Palhoça e Imapact Hub.
O Biomercado Brasil, importadora e distribuidora de produtos naturais com sede na Pedra Branca, é o promotor do evento que conta com o apoio da CDL de Palhoça, Cidade Pedra Branca, Impact Hub, Faculdade Municipal de Palhoça, Ala Pedra Branca de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, Mundo Verde Iguatemi, Beira-Mar e Centro e Wizard Idiomas (Centro, Coqueiros e Santa Mônica).
Os ingressos podem ser adquiridos a R$ 60,00 nas lojas Mundo Verde, Escolas Wizard, Faculdade Municipal de Palhoça (FMP), Impact Hub ou pela plataforma Sympla (buscar evento pelo nome Carlos Wizard Martins).
Associados à AMO tem 10% de desconto e devem adquirir o ingresso com desconto no Impact Hub.
Maiores informações pelo fone (48) 3341-2690.
19
Abr

Fashion Revolution Week acontece na Pedra Branca

Fashion Revolution Day é um movimento criado por um conselho global de líderes da indústria da moda sustentável que se uniram depois do desabamento do edifício Rana Plaza em Bangladesh no dia 24 de abril de 2013 que deixou 1.133 mortos e 2.500 feridos. 
A campanha surgiu com o objetivo de aumentar a conscientização sobre o verdadeiro custo da moda e seu impacto em todas as fases do processo de produção e consumo, mostrando ao mundo que a mudança é possível através da celebração dos envolvidos na criação de um futuro mais sustentável e criar conexões exigindo transparência.
Entre os dias 24 e 30 de abril de 2017 será celebrada a Fashion Revolution Week em mais de 90 países e você pode fazer parte desse movimento aqui na Cidade Criativa Pedra Branca.
17
Abr

Colégio Bom Jesus anuncia chegada na Cidade Pedra Branca

O Grupo Educacional Bom Jesus anuncia sua chegada à 7ª cidade catarinense. A partir de 2018, oferecerá ensino regular da Educação Infantil ao Ensino Fundamental II na Cidade Pedra Branca, em Palhoça. Além de Santa Catarina, o Bom Jesus tem mais de 30 Unidades de Ensino em outros quatro estados: Paraná, Rio Grande do Sul, São Paulo e Rio de Janeiro. Na Cidade Pedra Branca, o Bom Jesus terá capacidade para atender cerca de 600 alunos. As informações relativas às matrículas podem ser obtidas por meio do telefone 0800 827 4101.

Com o intuito de levar ensino de qualidade e o compromisso de empenhar todo o know how pedagógico, o Grupo Educacional Bom Jesus vai imprimir a tradição e o alto padrão na qualidade de ensino, capaz de formar cidadãos protagonistas das próprias histórias. “Aceitamos de imediato o convite para nos instalar na Cidade Pedra Branca. É uma grande oportunidade para o Bom Jesus estar situado em um local que, além de estar em franca expansão, também, assim como nós, prima pela qualidade de vida, em todos os aspectos”, destaca Jorge Siarcos, diretor-geral do Grupo Educacional Bom Jesus.

De acordo com Marcelo Gomes, diretor executivo da Cidade Pedra Branca, a instalação do colégio chega para agregar. “O colégio foi pensado para o futuro. O grande diferencial é que a estrutura está sendo construída em uma área de 1,2 hectares, no centro do bairro, na principal zona urbana do Passeio Pedra Branca, justamente para que as pessoas possam ir caminhando para a escola. Tudo isso gera mais qualidade de vida”, destaca Marcelo. 

O terreno da construção fica localizado atrás do Hippo Supermercado e em frente para o Instituto de Apoio à Inovação, Incubação e Tecnologia (Inaitec). Com previsão para iniciar as aulas em março do ano que vem, a primeira fase do colégio terá capacidade de atendimento para 350 alunos e irá gerar 65 postos de trabalho direto.

Educação Infantil e Ensino Fundamental

Com base nos valores franciscanos que regem a Instituição, os alunos são apresentados ao projeto Virtudes e Atitudes, que trabalha valores humanos como humildade, diálogo, união, perseverança, entre outros. Os estudantes também podem desenvolver projetos, que serão apresentados na Mostra do Conhecimento, produzir conteúdos para o Concurso Literário, estudar em ambiente on-line por meio de questões disponíveis nos programas Ferinha e Ferinha Kids e demais atividades, em classe ou fora dela.

O Colégio Bom Jesus está com matrículas abertas para 2018. Interessados clique aqui.

10
Abr

Inscrições para a 7ª edição da Corrida Pedra Branca seguem até dia 19 de abril

Dia 30 de abril será realizada a 7ª edição da Corrida Pedra Branca, em Palhoça. O objetivo da atividade é promover integração e diversão, conscientizando os participantes sobre a importância da preservação da natureza! Assim como nos outros anos, a prova terá 3 trechos: 3 km, para participantes de 16 completos até a data da inscrição; 6 km e 8 km para maiores de 18 anos. Todos os participantes vão receber medalha e os 5 primeiros atletas de cada categoria (feminino/masculino) serão premiados com troféus.

As inscrições podem ser realizadas até o próximo dia 19 de abril, e os preços variam de acordo com cada categoria. A largada está agendada para às 9h30 e premiação às 11 horas na Praça Espelho D’Água, no Passeio Pedra Branca. Os kits serão entregues dias 28 e 29, no showroom Cidade Pedra Branca, localizado no Edifício Atrium, das 14h às 20 horas. E mais uma vez os personagens do Parque Beto Carrero World estarão presente para interagir com as crianças.

A Corrida Pedra Branca é uma iniciativa da Sports Do com o patrocínio da Cidade Pedra Branca e Passeio Pedra Branca e apoio da Associação dos Moradores da Pedra Branca (AMO). Mais informações e regulamento completo clique aqui.

Outras atividades

Diversas outras atividades estão programadas para o mês de abril, no Passeio Pedra Branca. São atividades e eventos difundidos pelos mais de 40 lojistas e pelos “atores” do ecossistema de inovação. Entre eles o Impact Hub Continente, o Instituto de Apoio à Inovação, Ciência e Tecnologia (Inaitec), a Unisul e o Grupo de Escoteiro Pedra Branca.

O Instituto de Apoio à Inovação, Ciência e Tecnologia (Inaitec), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportadores e Investimentos (Apex-Brasil), está selecionando até dia 14, empresas da Grande Florianópolis interessadas em se qualificar para o mercado externo. As empresas selecionadas terão acesso a diagnóstico empresarial gratuito a curto prazo; oportunidades de melhoria em pessoas, processos e produtos; ações de comércio exterior; conexão com projetos setoriais da Apex; rodadas de negócios; e missões internacionais. Mais informações e inscrições clique aqui.

Já o Grupo Escoteiro Pedra Branca irá realizar a Semana Nacional do Escoteiro (23 a 29/4), em prol do Dia do Escoteiro, comemorado dia 23. Serão várias atividades, todas abertas à comunidade, como, por exemplo, exposição no Passeio Pedra Branca, a partir das 14 horas.

Entre os dias 24 e 30 ocorrerá a Fashion Revolution Week Pedra Branca. O evento irá  propor oficinas, palestras e workshops sobre moda, sustentabilidade e impacto social. E dia 27 o Impact Hub realiza mais uma edição do Fuck up Nights, a partir das 19 horas. É um evento gratuito onde empreendedores de sucesso contam histórias de perrengues, dificuldades e até falências e como contornaram as situações.

Acompanhe os eventos do Passeio Pedra Branca, por ordem de data. 

14 – Último dia de inscrição da Chamada para a internacionalização de empresas. Ação do Inaitec em parceria com a Apex-Brasil

16 – Missa Católica a partir das 9h30 na Praça Coberta

19 – Encerramento das inscrições da Corrida Pedra Branca

23 – Abertura das atividades temáticas em prol do dia do Escoteiro, na sede do Grupo Escoteiro Pedra Branca

24 a 30 – Fashion Revolution Week Pedra Branca com participação de empreendedores da indústria da moda, no Impact Hub Continente

27 – Fuck up Nights, evento de histórias de dificuldades de empreendedores, no Impact Hub Continente, a partir das 19 horas

28 e 29 – Entrega dos Kits da Corrida Pedra Branca, no showroom Cidade Pedra Branca, localizado no Edifício Atrium, das 14h às 20 horas

29 – Fechamento da semana temática do Dia do Escoteiro (comemorado dia 23), com atividades abertas para a comunidade e exposição no Passeio Pedra Branca, a partir das 14 horas

30 – Corrida Pedra Branca, largada às 9h30 e premiação às 11 horas

7
Abr

Brasileiro Masters de Natação acontece neste final de semana em Palhoça

A Unisul recebe até este domingo, 9 de abril, a edição número 59 do Campeonato Brasileiro de Masters de Natação. Mais de 330 atletas, de todas as regiões do Brasil, estão em disputa. A competição é realizada no Complexo Aquático da Unisul Unidade Pedra Branca e tem apoio da Federação Aquática de Santa Catarina (FASC). Esta é a primeira de quatro etapas em disputa pelo Circuito Brasileiro ABMN. Também será um grande preparativo para os atletas que irão competir em Budapeste, na Hungria, o Campeonato Mundial Masters. “Nós da ABNM gostamos muito de fazer as competições aqui por conta de toda essa estrutura, de toda logísticas. Está tudo perto do jeito que os nadadores apreciam, temos restaurantes próximos, temos piscina de soltura, vestiário com ótima infraestrutura, mesa de frutas para quem terminou de nadar e precisa repor energia”, agradece a parceria da Unisul, a diretora secretária da entidade, Elaine Romero.

Nesta primeira etapa do ano, a ABNM entrega em cada faixa de idade o Troféu 2016, em que o atleta fez jus na sua categoria. “Cada atleta pode ganhar até dois troféus, das piscinas longas e das curtas”, informa Elaine. A competição Master é sempre uma alegria de acordo com ela. “É o momento em que os atletas se reencontrarem, gente que vem do norte ao sul, muita das vezes vem atletas de outros países. Nadam como convidados, justamente para pegar ritmo e como vamos ter duas competições internacionais esse ano, a primeira é o World Master Games, que começa 21 de abril e também na Hungria que é o Mundial dos Esportes Aquáticos, em agosto. Nós temos nadadores aqui que figuram o topo da Federação Internacional (FINA), que significa entre os melhores do mundo”, completa.

De acordo com Omar Peleda, da Argentina, especificamente da cidade de Quilmes, o Brasileiro Master é a única competição que coloca em disputa a prova de 1500m na América do Sul. “Conheci a Unisul no ano passado. Muito importante esse campeonato, é o único lugar em que se compete a 1500m, na Argentina e no Uruguai não. Somente o Brasil, isso me agrada muito. As pessoas me tratam muito bem aqui, a organização é bem atenta”, parabeniza.

A recordista de várias marcas nacionais e internacionais, Claudia Adelina de Menezes Carrapatoso da Costa, está com o treinamento forte focado para o Mundial de Budapeste. “Será o meu primeiro Mundial. Participei de duas Olimpíadas de máster, mas eu nunca fui num Mundial, que tem o nível mais forte. Vim para esse campeonato já pensando nas provas que vou nadar na Hungria. Como eu nado muito maratona aquática, estou meio fora das piscinas”, revela.

Para o diretor técnico da ABMN, Aécio Amaral, os quase 400 nadadores, entre 20 e 90 anos, estão bem preparados. “Inclusive hoje pela manhã já bateram um recorde sul-americano e a gente espera que vários outras quebras para esse campeonato. No nível técnico sempre temos grandes performances. É o Campeonato Brasileiro mais importante do ano”, finaliza.

Algumas modificações foram realizadas no regulamento do Circuito e das competições para a temporada 2017. Entre elas a extinção da pontuação com divisão por equipes (grande, média e pequena, de acordo com o número de atletas) e a criação do Campeonato de Revezamentos. Nele, serão premiadas as equipes que conseguiram mais pontos. No fim do Circuito haverá uma premiação extra para a equipe campeã brasileira de revezamentos, somando-se todas as pontuações obtidas nas quatro etapas do circuito.

Alunos de Fisioterapia trabalham na competição

Os alunos voluntários de dois projetos de extensão do curso de Fisioterapia atuam na prevenção e tratamento de lesões esportivas no Campeonato Brasileiro Master de Natação. Coordenados pelo professor Júlio César de Oliveira Araújo, eles contam com a colaboração do fisioterapeuta Sayron Elias.

O professor do curso de Fisioterapia, Júlio César de Oliveira Araújo também coordenador da equipe de Judô contou para o jornal Unisul Hoje que são 25 voluntários que vão atuar sob a supervisão de Sayron. “Um projeto que aborda a necessidade do alongamento muscular e flexibilidade e o outro atua com terapias manuais. E estão previstos cerca de 200 atendimentos nos quatro dias de competição”, contextualiza Araújo.

A aluna bolsista do projeto, Elaine Cristina Souza, diz acreditar que essa possibilidade de atuação em um ambiente esportivo possibilita que alunos das fases iniciais do curso tenham contato direto com a área, conhecimento prático e possibilidade de enriquecer o currículo.

4
Abr

Programa de Eficiência Energética é inaugurado na Unisul Pedra Branca

O Programa de Eficiência Energética da Celesc (PEE) investiu cerca de meio milhão de reais na Unisul Unidade Pedra Branca. O recurso destinou-se à substituição de 1.618 lâmpadas fluorescentes tubulares por LEDs tubulares nos blocos F, G e H, e à instalação de placas fotovoltaicas com previsão de 55,02 MWh/ano de energia. A inauguração do Projeto ocorreu na terça-feira, 4/4, às 14h, no hall do Bloco G.

A Unisul recebeu subsídios para o sistema fotovoltaico de geração de energia pelo PEE Celesc. O Programa é patrocinado pela Agencia Nacional de Energia (Aneel) e a Celesc, contou com dois parceiros para sua implementação na Unisul. O Grupo de Pesquisa em Energias Alternativas e Renováveis do curso de Engenharia Elétrica (GPEAR), do campus da Grande Florianópolis, coordenado pelo professor doutor João Luiz Alkaim, em parceria com a Graphus Energia e Engie Solar submeteu o projeto em outubro de 2015.

Entre os 35 projetos concorrentes do Estado de Santa Catarina ao subsídio, nove foram contemplados. Ao longo de 2016, o Projeto de Eficientização foi implantado nos blocos  F, G e H da unidade Pedra Branca. Toda a estrutura física do projeto foi finalizada em fevereiro de 2017, restando ainda um ano de medições  e verificações para então haver a validação total do projeto.  A redução planejada da demanda é de 41,5 kW e a energia a ser economizada de 142,76 MWh/ano. O investimento subsidiado foi de R$ 530.360,64, com uma economia  prevista de R$ 88.365,99/ano.

O objetivo do  PEE Celesc  subsidiado pela Aneel é promover a disseminação dos conceitos e procedimentos referentes à conservação de energia , eficiência energética  e otimização energética de equipamentos. Com a popularização dos conceitos de eficientização energética , a ideia é que haja redução do desperdício de energia elétrica , fato que possibilitará a economia na realização de novos investimentos para a expansão do sistema elétrico.

21
Mar

Cidade Pedra Branca firma parceria novamente com Social Good Brasil

A parceria entre a Cidade Pedra Branca e o Social Good Brasil no ano passado foi tão bem sucedida, que será replicada aos participantes do SGB Lab em 2017. A Cidade Pedra Branca é patrocinadora do evento, e tem a missão de auxiliar no acolhimento dos empreendedores sociais. Os participantes já tem datas confirmadas para conhecer o ecossistema de inovação de Palhoça, na Grande Florianópolis. Os encontros presenciais vão ocorrer em três etapas: #sejoga será dias 1º, 2, 3 e 4 de junho; #vaicomtudo dias 3, 4, 5 e 6 de agosto; e #mostrapromundo dais 7, 8 e 9 e 10 de outubro. O prazo de inscrição – gratuita – para participar do SGB Lab segue até o próximo dia dia 26 de março, pelo sitewww.sgb.org.br/lab.

O SGB Lab  funciona como uma pré-aceleração de ideias de diferentes estágios para pessoas que querem empreender iniciativas que contribuam para resolver problemas da sociedade. A edição deste ano terá encontros online e presenciais e 96 horas de imersão na Cidade Pedra Branca, um dos ecossistemas de inovação mais fortes e atuantes da região continental da Grande Florianópolis, considerado um polos tecnológicos que mais cresce no Brasil. Diferente de outros modelos de aceleração, o Lab tem custos de  hospedagem e alimentação incluídas nas atividades presenciais e os encontros trazem metodologias inovadoras como Design Thinking, Startup Enxuta e Modelo de Negócio Canvas, alinhados a muitas propostas “mão na massa”.

Para os 50 selecionados, há uma taxa de participação de R$ 900,00  para Empreendedores e ONGs, e de R$ 1.800,00 para Empresas acima de 30 funcionários e órgãos públicos. A taxa custeada pelos participantes será revertida para fundos de investimento semente, que serão entregues ao final para três ideias de destaque. No entanto, há a possibilidade de parcelamento deste valor ou de bolsas de inscrição e auxílio viagem, que deverão ser solicitadas durante o processo seletivo mas serão analisadas após todas as etapas para os selecionados para o laboratório.

Para Marcelo Gomes, diretor executivo da Cidade Pedra Branca, os participantes do SGB Lab terão a oportunidade de vivenciar na prática o cotidiano de um ecossistema que está muito emergente. “Vivemos um momento singular em nosso ecossistema em Palhoça, onde pessoas do mundo inteiro se encontram e trocam experiências, geram negócios, fecham parcerias, sem contar o networking”, ressalta.

Para Carolina de Andrade, diretora-executiva do Social Good Brasil e mentora do laboratório, é uma oportunidade para quem deseja ter um novo olhar sobre si e as formas de empreender. “Construímos e validamos a metodologia do Lab ao longo de 6 turmas. Participar do Lab é uma forma de ter acesso à uma rede que acredita no seu potencial e pode ajudar a alavancar a sua ideia”, conta. Ela, que também é mãe, ressalta a importância do ambiente como um local acolhedor para as empreendedoras com filhos pequenos, que podem trazê-los para os encontros e tê-los por perto enquanto buscam empreender em algo novo que faça sentido com o seu momento de vida.

Mais informações através dos sites www.sgb.org.br/lab

SERVIÇO

O quê: Parceria Cidade Pedra Branca / Inscrições SGB Lab até 26de março de 2017

Datas dos encontros presenciais:

#sejoga – 1º, 2, 3 e 4 de junho

#vaicomtudo-  3, 4, 5 e 6 de agosto

#mostrapromundo – 7, 8 e 9 e 10 de outubro

Onde: Cidade Pedra Branca, Palhoça na Grande Florianópolis/SC

Quanto: Inscrição gratuita. Selecionados para o Lab pagam uma taxa que será revertida 100% para os próprios participantes*.

> Empreendedores e ONGs – R$ 900,00

> Empresas (acima de 30 funcionários) e órgãos públicos – R$ 1.800,00

Mais informações e inscrições: sgb.org.br/lab



21
Mar

iLAB Unisul realiza seleção de startups

O Laboratório de Inovação e Empreendedorismo da Unisul (iLAB), pretende gerar, desenvolver e validar ideias de novos negócios/startups nos dias 24 e 25 de março na Unisul campus Grande Florianópolis – Unidade Pedra Branca. O evento iLAB – Startups Camp promoverá mentorias, estimulará um ecossistema de inovação e empreendedorismo, além de servir de pré-requisito para a Chamada de Startups neste ano.

Os selecionados terão a possibilidade de desenvolver atividades que possibilitam a formação em empreendedorismo e inovação, a geração de networking, toolbox para novos negócios, metodologia de avaliação de novos negócios. O coordenador do iLAB Unisul, professor Geraldo Campos, visa um processo de integração entre os participantes do ano passado, como mentores nesse evento de seleção e as ideias propostas para 2017.

Os participantes e startups selecionados pelo evento poderão participar do Ciclo de Desenvolvimento de Negócios do Edital Chamada de Startups 2017. Acesse o link e confira os detalhes do edital http://studiosapienzabrasil.com/2015/wp-content/uploads/2017/03/CHAMADA-DE-STARTUPS-2017-iLAB-UNISUL.pdf

O professor Geraldo Campos afirma que muitas startups do ano passado vinham com o projeto em uma fase muito inicial, por isto, esse ano será feito um nivelamento. “A ideia é que a gente consiga nivelar em termo de amadurecimento de ideia para que ele possa depois participar de um evento de outro nível, na mesma fase de desenvolvimento”, projeta.

Até o dia do evento serão enviados conteúdos preparatórios para que os inscritos possam estudar os conteúdos de forma a compreenderem as atividades propostas no evento. A venda dos ingressos irá até dia 23 de março. Para adquirir acesse o link:https://www.sympla.com.br/ilab-startup-camp–chamada-de-startups-2017__122387

Público alvo: Quem tem uma ideia de novo negócio/startup; auem tem um negócio/startup e quer melhorar seu desempenho; auem tem um negócio/startup e quer ganhar mercado e escala; e estudante que quer empreender.

Mais informações e programação do evento: http://studiosapienzabrasil.com/2015/wp-content/uploads/2017/03/iLAB-Startup-Camp-Apresenta%C3%A7%C3%A3o-1.pdf